quarta-feira, junho 19, 2013

Protesto mobiliza Hospital Roberto Santos em Salvador


Uma maca com um caixão no lugar do paciente. Esse foi o símbolo utilizado por funcionários do Hospital Geral Roberto Santos (HGRS)  para representar a insatisfação com a diretoria da unidade hospitalar. O grupo formado por enfermeiros, técnicos de enfermagem, auxiliares, maqueiros, nutricionistas e outras categorias realizaram protesto em frente a unidade na manhã desta quarta-feira (19), em Salvador.

De acordo com a presidente do Sindsaúde, Inalba Fontenelle, a ação serviu de alerta para a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) sobre a atual situação estrutural e humana do HGRS, maior hospital público da Bahia.



Na pauta de reivindicações, a categoria exige melhores condições de trabalho, escala de serviço, déficit de profissional, falta de segurança, inadequação de estrutura física, superlotação, terceirização da saúde e reduções da GID (Gratificação Incentivo Desempenho) dos trabalhadores de 180h.

A deliberação pela manifestação, segundo Inalba, foi decidida após o cancelamento da reunião do colegiado do Roberto Santos, que estava agendada para a última segunda-feira (17). “Os trabalhadores aguardam um posicionamento da Sesab sobre o pagamento da GID dos trabalhadores que vem sofrendo oscilações sem justificativas. Caso o pleito não seja atendido até o próximo dia 28 de junho, data do pagamento, os funcionários realizarão paralisação de 24 horas da unidade”. 



“Os servidores do HGRS reivindicam reunião com a diretoria da unidade para discutirem uma saúde pública que valorize o servidor e garanta melhoria do atendimento à população do hospital que é uma das principais referências de atendimento da rede pública do estado”, afirma Inalba que contou com o apoio de 50 profissionais.

O sindicato também pontuou a falta de diálogo da diretoria da unidade. “Diante da falta de resposta aos questionamentos dos trabalhadores, nós pedimos um posicionamento urgente da diretoria do hospital em relação à pauta de reivindicação, solicitando o agendamento de uma reunião com a participação dos servidores, sindicato e gestores do HGRS”, concluiu.


A reportagem do Bocão News tentou, sem sucesso, manter contato com a assessoria do Hospital Roberto Santos para comentar as acusações. 

Fonte/Foto: Bocão News
Recomende:
 
Portal Alagoinhas News | O site de notícias de Alagoinhas - Bahia Todos os Direitos Reservados © Copyright 2012 - 2014
Desenvolvido Por FR Criações - Conhecimento em Criação.